Em Pernambuco, o auditor interno catarinense fala sobre a implantação do IA-CM no Estado

O auditor interno do Poder Executivo Rodrigo Strigger Dutra participou do Seminário “Observatório da Despesa Pública e IA-CM: Modelos de Atuação no Fortalecimento do Controle Interno” organizado pela Escola de Controle Interno da Secretaria da Controladoria-Geral do Estado do Pernambuco. O evento ocorreu na última sexta-feira, 10 de maio, em Recife.

Durante sua palestra, Dutra partilhou sobre a implementação do modelo de IA-CM em Santa Catarina e partilhou também sobre a experiência do governo da Indonésia. Em abril de 2018, ele participou de uma visita técnica ao país, organizada pelo Conaci (Conselho Nacional de Controle Interno) e Banco Mundial, com o intuito de promover a troca de informações, experiências e soluções na implantação e desenvolvimento do IA-CM.

WhatsApp Image 2019-05-10 at 17.18.27
Em Pernambuco, o auditor interno do Poder Executivo Rodrigo Stigger Dutra falou da experiência catarinense na implantação do IA-CM (Internal Audit Capability Model)

 

Anúncios

DIAG fiscaliza empresas do Estado para verificar a implementação da Lei das Estatais

A Diretoria de Auditoria Geral (Diag) está fiscalizando as empresas estatais a fim de averiguar o estágio atual do nível de cumprimento dos requisitos previstos na Lei Federal nº 13.303/2016.

O documento conhecido como Lei das Estatais, cujo prazo final para implementação se deu em 30/06/2018, dispõe sobre o estatuto jurídico da empresa pública, da sociedade de economia mista e suas subsidiárias e estabelece disposições também no que tange às licitações, aos contratos e as formas de fiscalização do Estado e da sociedade.

Os trabalhos in loco, realizados pelos auditores internos do Poder Executivo André Luiz de Rezende, Augusto Puhl Piazza e Rodrigo Stigger Dutra, têm o objetivo de validar as respostas consignadas em questionário eletrônico, respondidos pelas empresas no início deste ano, dando sequência à atividade de averiguação da implementação das alterações legais previstas na referida Lei.

Para Rezende, coordenador da equipe de trabalho, a verdadeira importância dessa verificação é entender, na prática, como estão funcionando as inovações em Governança propostas pela lei. Assim, acompanhando e auxiliando as estatais, podemos garantir não só a implantação, mas, também, a efetividades dessas novas ferramentas de controle.

BADESC4
As fiscalizações in loco estão ocorrendo na CELESC, CASAN, CIASC, BADESC e, em sequência, serão estendidas às demais empresas (Foto:Divulgação/Sindiauditoria)

Seminário “O Controle e a Administração Pública” abre a programação da 29ª Reunião Técnica do CONACI

O Seminário “O Controle Interno e a Administração Pública” deu início na manhã desta quinta-feira (29) à programação da 29ª Reunião Técnica do Conselho Nacional de Controle Interno (CONACI), em Campo Grande, Mato Grosso do Sul. Realizado pela Controladoria-Geral do Estado do Mato Grosso do Sul (CGE-MS), Controladoria-Geral de Fiscalização e Transparência do Município de Campo Grande (CGM-Campo Grande) e pelo CONACI, o evento reuniu dezenas de pessoas no Auditório Germano de Barros – Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo.

Ao abrir o Seminário, o Presidente do CONACI e Contador e Auditor-Geral do Estado do Rio Grande do Sul (CAGE-RS), Álvaro Fakredin, destacou que este evento figurará no rol dos mais técnicos e profundos que já foram realizados, onde serão debatidos temas de grande relevância relacionados ao controle. “Quero destacar a importância da troca de ideias proporcionadas por encontros como o de hoje, que resultam na homogeneidade de pensamento, no sentido de promover a governança pública por meio de pilares do controle interno governamental do Brasil”, ressaltou Fakredin.

Segundo Reinaldo Azambuja, Governador do Estado do Mato Grosso do Sul, o controle interno e a administração são eixos fundamentais para a governança pública. “Um controle eficaz e eficiente é fundamental para melhorar o desempenho do setor público, por isso tamanha satisfação em ter participado da instauração da Controladoria-Geral do Estado no ano de 2016 e, principalmente, aos resultados extremamente positivos alcançados na área de controle”, disse.

O Prefeito do Município de Campo Grande, Marquinhos Trad, falou em seu discurso sobre a importância do controle interno e do compromisso com a ética, ressaltando o pioneirismo de sua gestão na criação da Secretaria de Controle, com sua premissa em orientar, corrigir e fiscalizar.

Durante o Seminário, quatro palestras foram apresentadas, com as temáticas “O controle e a segurança jurídica na gestão pública”; “Integridade no setor público sob a perspectiva local”; “Órgãos de controle e accountability social: os desafios para a democracia e para a gestão” e “Os dilemas e prioridades do combate à corrupção no Brasil: o papel do controle interno”.

WhatsApp Image 2018-11-29 at 21.19.46
 O controlador-geral do Estado de Mato Grosso do Sul, Carlos Eduardo Girão de Arruda, com os auditores internos de Santa Catarina Marisa Zinkan, Frederico da Luz e Rodrigo Stigger Dutra 

Reunião Técnica

Na sequência do Seminário, acontece a 29ª Reunião Técnica do CONACI, momento em que os membros se reúnem para discussão de temas técnicos e para a deliberação de assuntos administrativos. A RTC será realizada no Centro de Convenções Albano Franco, em Campo Grande, com a participação das autoridades máximas em Controle Interno dos estados e municípios membros do Conaci.

Com informações do Conaci