Santa Catarina integra grupo nacional de Cooperação Técnica sobre IA-CM

Na última semana, ocorreu a primeira reunião ampliada, por meio de videoconferência, referente às últimas deliberações do Acordo de Cooperação Técnica nº 474/2018 celebrado entre a Controladoria-Geral da União (CGU), Controladoria do Distrito Federal (CGDF) e o Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro). O intuito da adesão foi a ampliação da participação, que atualmente conta com 13 instituições, sendo 8 órgãos advindos após a assinatura do termo pelo Conaci. Uma das instituições que aderiu ao acordo foi a Controladoria-Geral do Estado de Santa Catarina (CGE/SC). A auditora-geral da instituição, Simone de Souza Becker, falou sobre a importância das atividades e os resultados para a auditoria interna no Brasil. “O papel do Conaci foi fundamental para impulsionar as ações. A parceria entre Conaci e Banco Mundial formalizada em 2014, começa a dar frutos. O modelo IA-CM vai alavancar muito a atividade de auditoria interna, pois é um modelo mundial reconhecido”, pondera. O coordenador de Gestão Estratégica da CGE/SC, Frederico da Luz, também integra a equipe catarinense.

A reunião teve como objetivo aprovar e explicar aos novos participantes a forma de utilização passo-a-passo do Roteiro Guia de Avaliação do IA-CM, ferramenta que possibilitará aos órgãos avançarem de forma mais sólida no aperfeiçoamento do trabalho de auditoria interna. A secretária executiva do Conaci, Renata Rezende, explica a importância das novas adesões. “Por meio desse Acordo, os membros do Conaci terão acesso ao Guia de Avaliação do modelo IA-CM desenvolvido pelo Serpro, CGU e CGDF, um material inovador, extremamente rico e que facilitará sobremaneira o trabalho a ser desenvolvido pelos órgãos que têm interesse na implantação dessa metodologia”, afirma.

adults-chairs-class-515166
As videoconferências serão mensais e terão o intuito de sanar eventuais dificuldades na aplicação do modelo IA-CM na prática

Importante destacar que o Roteiro Guia de Avaliação do IA-CM, bem como a própria metodologia, não são rígidas, elas permitem que cada órgão as adaptem conforme sua realidade e tracem suas próprias estratégias para conseguirem avanços nos níveis de maturidade e aperfeiçoamento nos trabalhos de auditoria. “As reuniões mensais, que ocorrerão de forma on-line, propiciarão intercâmbio de conhecimentos técnicos e experiências. Com certeza esse acordo, que já conta com a participação de 13 órgãos, representa um grande avanço para o desenvolvimento da auditoria interna no Brasil”, conta Renata.

Além de Santa Catarina, as Controladorias-Gerais dos estados do Mato Grosso do Sul, Pernambuco e Paraíba, Controladorias-Gerais dos municípios de Belo Horizonte e Porto Alegre, Secretaria de Estado de Controle e Transparência do Espírito Santo e Auditoria-Geral do Estado da Bahia também integram o acordo. O presidente do Conaci, Leonardo de Araújo Ferraz, assinou o Termo  de Adesão em Brasília, durante a reunião anual do Conaci e do Banco Mundial.

 

Anúncios

Planejamento estratégico do Conaci será debatido no Rio de Janeiro

A 31ª Reunião do Conaci (Conselho Nacional de Controle Interno) ocorre a partir de amanhã (6) na Fundação Planetário da Cidade do Rio de Janeiro (RJ). Durante a programação, os auditores internos do Poder Executivo catarinense Frederico da Luz, Marisa Zinkan e Simone Becker participam da apresentação do planejamento estratégico da insitutição. Eles integram o grupo de trabalho responsável pela redação do documento que definirá os objetivos do Conaci para o período 2019-2021.

No último dia 30 de maio, a Diretoria de Auditoria Geral  (DIAG), a Controladoria-Geral do Distrito Federal (CGDF), a Controladoria-Geral do Rio de Janeiro (CGE-RJ), a Controladoria-Geral do Estado de Minas Gerais (CGE-MG) e a Controladoria-Geral de Belo Horizonte  (CTGM-BH) se reuniram para validar as ações que serão sugeridas pelo grupo e detalhar os indicadores e as metas que possibilitarão mensurar efetivamente se os objetivos serão alcançados.

video conferencia 30.05
Os auditores internos do Poder Executivo Marisa Zikan e Frederico da Luz participam da vidéoconferência com outros orgãos que integram o grupo de trabalho do Conaci

Programação

O encontro reunirá representantes dos órgãos de controle interno de todo país para discutir os avanços na área e promover o intercâmbio de experiências e conhecimentos. As ativididades seguem até o dia 7 de junho. Clique aqui para acessar a programação completa da próxima reunião do Conaci

Santa Catarina participa da primeira Reunião Técnica do CONACI em 2019

Começou nesta quinta-feira (28), a reunião técnica do CONACI (Conselho Nacional de Controle Interno), em Aracati (CE). O início dos trabalhos foi reservado para apresentação dos novos titulares dos órgãos membros da instituição. Representam o Estado de Santa Catarina, o futuro controlador-geral do Estado de Santa Catarina, professor Luiz Felipe Ferreira, o atual diretor da Diretoria de Auditoria Geral (DIAG), Wanderlei Pereira das Neves, e o auditor interno do Poder Executivo Frederico da Luz.

A abertura do evento foi realizada pelo presidente do Conselho e controlador-geral de Belo Horizonte, Leonardo de Araújo Ferraz. “A equipe de Aracati fez um excelente trabalho, disponibilizando uma estrutura muito adequada para realização do evento, só tenho a parabenizar o anfitrião”, enalteceu. Segundo ele, em razão da saída repentina do ex-presidente, Álvaro Fakredin, coube a ele a missão de sucedê-lo, defendendo uma gestão compartilhada e profícua para o Conselho. “Estamos organizando e ajustando alguns pontos importantes, realizando eleição para que a diretoria fique novamente completa, para que sejam definidas conjuntamente as diretrizes para o futuro do colegiado, em especial porque o Planejamento Estratégico será apresentado durante a RTC”, complementou Ferraz.

Nesta primeira edição de 2019, o encontro reúne 33 membros filiados entre órgãos de controle interno dos Estados e Capitais para discutir os avanços na área e promover o intercâmbio de práticas e conhecimentos. Na oportunidade, Conaci discutirá temas como: avaliação de suscetibilidade a risco de fraude e corrupção em órgãos públicos; Aplicação do Modelo IA-CM pelos órgãos de controle interno brasileiros; e o Controle Interno e seus efeitos nas demonstrações contábeis do setor público, entre outros.

Para o anfitrião do evento, o controlador-geral do Município de Aracati, Rodrigo Mesquita, esse é um evento de muito simbolismo por ser a primeira Reunião Técnica conduzida pelo novo presidente, Leonardo Ferraz, além de ser a primeira edição realizada no interior de um município brasileiro. “É um evento histórico para Aracati e para a Controladoria-Geral do Município, que enriquece com a presença de autoridades representantes de órgãos de Controle Governamental, servindo para mostrar que os municípios do interior também fazem parte do quadro federativo, merecendo destaque em discussões fundamentais para nosso país”, disse.

A programação da 30ª RTC encerra nesta sexta-feira (29), com a deliberação de diversas pautas administrativas.

WhatsApp Image 2019-03-28 at 18.42.53
Na foto, o auditor interno do Poder Executivo Frederico da Luz,  o controlador-geral do Estado do Ceará, Marconi Lemos,  o presidente do CONACI, Leonardo de Araújo Ferraz, o professor Luiz Felipe Ferreira, e o diretor da DIAG, Wanderlei Pereira das Neves