Rodrigo Stigger Dutra participa do lançamento nacional do livro do Conaci sobre controle interno

O Conselho Nacional de Controle Interno (Conaci), em parceria com a Controladoria e Ouvidoria Geral do Município de Fortaleza promovem o XV Encontro Nacional de Controle Interno, na capital do Ceará. O evento que começou ontem (25) traz o tema “O Controle Interno como Instrumento de Aperfeiçoamento da Governança Pública”. Na oportunidade, ocorreu o lançamento do livro “Sistema de Controle Interno da Administração Pública na União Européia e no Brasil” (Editora Fórum, 257p, R$69). O auditor interno do Estado Rodrigo Stigger Dutra contribuiu com essa publicação coletiva que reúne diversos autores nacionais.

“A participação nesta missão representou para mim um renascimento como auditor interno. A convivência com um time espetacular de colegas, com os quais pude aprender muito, é algo que sempre recordo. Sou muito influenciado por tudo o que vi e aprendi nesta missão, pois ao analisar a atuação de auditores internos nos países visitados entendi que a atividade de Auditoria Interna é algo muito grande e quando olha para a frente tem o poder para de fato auxiliar a transformar a realidade do setor público”, conta Dutra, que recorda sua participação a visita de estudo feita à Croácia e Bulgária, em 2016.

O livro vem apresentar ao leitor, seja este acadêmico, servidor público, ou apenas um interessado no tema, vários dados e informações que ajudam a entender o cenário atual do controle interno no Brasil. Aspectos relacionados à estruturação e ao funcionamento dos diversos órgãos incumbidos do combate à corrupção são relacionados, a fim de trazer, quantitativa e qualitativamente, uma oportunidade de reflexão da dimensão do trabalho, bem como os produtos gerados pelas ações dos órgãos integrantes do Conaci. Enfim, trata-se de uma leitura indispensável para quem deseja se aprofundar no tema controle interno no Brasil, ainda muito carente de publicações especializadas que relacionem gestão pública e controle.

WhatsApp Image 2019-09-26 at 19.58.37
Os Auditores Internos do Estado Wanderlei Pereira das Neves, Cristina Keller Sartori, Frederico da Luz, Marisa Zikan da Silva, Rodrigo Stigger Dutra e Simone Becker participam do evento em Fortaleza (Foto: Divulgação/Sindiauditoria)

Programação

Durante a abertura do Encontro Nacional, a secretária-chefe da CGM Fortaleza, Luciana Lobo, que representou o prefeito Roberto Cláudio, reforçou a importância do controle interno na Prefeitura de Fortaleza. “Ajudamos transversalmente todas as políticas públicas realizadas na Prefeitura de Fortaleza. Nós auditamos atualmente 56% de todos os gastos. Temos também a rede de controle interno da administração pública. Nos reunimos mensalmente com todos os órgãos da prefeitura para debater temas e definir diretrizes do funcionamento do tema dentro da prefeitura”, explicou.

O evento é um momento para troca de experiências com o Conaci, que exerce um papel mobilizador, ao promover sistemas de controle para a construção de gestões públicas eficientes e acertivas. O órgão vem prestando apoio aos municípios brasileiros que queiram aderir ao método para exercer este controle. Uma forma de governar com clareza e transparência, oferecendo mais confiança ao cidadão, como explicou o presidente do Conaci, Leonardo Ferraz. “O Conaci tem o papel de ser uma instituição de harmonização das boas práticas de controle no Brasil. É quem consegue padronizar procedimentos, difundir boas práticas e normatizar questões envolvendo a atuação do controle interno no país, fortalecendo e aperfeiçoando este controle”, disse.

O encontro nacional contou também com a presença do Ministro da Controladoria Geral da União (CGU), Wagner Rosário. O órgão promove atividades relacionadas ao incremento da transparência da gestão. O ministro destacou a importância do conselho nacional para integrar os municípios brasileiros. ” O Conaci surgiu como uma instituição importante na agregação desses órgãos de controle porque nós temos quase 5.600 municípios, 26 estados e temos ainda os orgãos de controle interno que estão dentro das empresas públicas. Então, a gente vem procurando integrar e dar a nossa contribuição com o desenvolvimento de sistemas, compartilhando as ideias que estamos desenvolvendo lá e o Conaci tem sido muito importante nesse processo”, afirmou.

WhatsApp Image 2019-09-26 at 14.33.08
O auditor interno do Estado Rodrigo Stigger Dutra junto com os co-autores durante o lançamento do livro editado pela Fórum (Foto: Divulgação/Conaci)

Santa Catarina será sede da 21ª Reunião Técnica do Conaci em novembro

Santa Catarina receberá a 21ª Reunião Técnica do Conselho Nacional de Controle Interno (Conaci) nos dias 17 e 18 de novembro. Na ocasião, diversos representantes governamentais de controle interno da União, estados e municípios brasileiros debaterão assuntos relacionados ao fortalecimento do setor, bem como deliberações e articulações para implementação de melhorias de gestão.

Nesta quarta-feira (3), o grupo de especialistas realizou a 20ª Reunião Técnica em Fortaleza. Ao longo da programação, a deliberação de assuntos internos, troca de experiências e alinhamento de atividades para o fortalecimento do Conaci. Uma reunião com o Banco Mundial também ocorreu nesta tarde para falar sobre o projeto que está em andamento entre as intuições para construir  o futuro do controle interno no Brasil.

O vice-presidente do Sindiauditoria, Rafael Lima Palmares, e o Auditor Interno do Poder Executivo Rodrigo Stigger Dutra representaram a Secretaria de Estado da Fazenda nesta penúltima reunião do conselho este ano. “É sempre importante participarmos das atividades do Conaci, pois é o lugar onde encontramos pessoas do País inteiro para debater e compartilhar experiências na área do controle e gestão”, considera Palmares.

Para ele o encontro marcado em Florianópolis será uma ótima oportunidade para apresentar o trabalho desenvolvido na Diretoria de Auditoria Geral (Diag). “Em Santa Catarina temos diversas iniciativas em andamento que podem servir de inspiração para outros entes da federação”, reforçou Palmares.

Encontro Nacional

Na sequência, também na capital cearense, começa nesta quinta-feira (4) o XII Encontro Nacional de Controle Interno. O evento abordará temas importantes, como a Lei Anticorrupção, Operação Lava Jato, governança corporativa nas estatais, auditoria governamental, transparência pública, gestão fiscal e combate à lavagem de dinheiro. O objetivo é reunir dirigentes de órgãos públicos estaduais, municipais e federais para discutir mecanismos contra a corrupção e de fortalecimento da gestão pública.

O vice-presidente do Sindiauditoria, Rafael Palmares, o presidente do Conaci, XXX, e o Auditor Interno Rodrigo Strigger Dutra em Fortaleza (Foto: Divulgação/Sindiauditoria)
O vice-presidente do Sindiauditoria, Rafael Lima Palmares, o presidente do Conaci, Roberto Paulo Amoras (centro), e o Auditor Interno Rodrigo Strigger Dutra em Fortaleza (Foto: Divulgação/Sindiauditoria)

Lideranças se reúnem em Fortaleza para discutir controle interno e combate à corrupção

Lei Anticorrupção, Operação Lava Jato, governança corporativa nas estatais, auditoria governamental, transparência pública, gestão fiscal e combate à lavagem de dinheiro. Esses são alguns dos assuntos que estarão em pauta no XII Encontro Nacional de Controle Interno, que ocorrerá nos dias 4 e 5 de agosto, em Fortaleza, e que tem como objetivo reunir dirigentes de órgãos públicos estaduais, municipais e federais para discutir mecanismos contra a corrupção e de fortalecimento da gestão pública.

Na ocasião, os principais gestores do País ligados à temática estarão presentes como palestrantes e debatedores, dentre eles o ministro da Transparência, Fiscalização e Controle (MTFC), Torquato Jardim, o advogado e ex-ministro chefe da Controladoria Geral da União, Jorge Hage Sobrinho, o presidente do Banco do Nordeste do Brasil, Marcos Costa Holanda, e Gilberto Waller e Sérgio Seabra, respectivamente ouvidor geral e secretário federal do MTFC.

Ao longo da programação, está prevista ainda uma solenidade de agraciamento de comenda de “Honra ao Mérito em Controle Interno” ao juiz federal Sergio Moro, ao procurador da República do Ministério Público Federal do Paraná, Deltan Dallagnol, e à executiva financeira do Banco Mundial, Maria João Kaizeler.

Recorde de público

Organizado anualmente pelo Conselho Nacional de Controle Interno (Conaci) e considerado um dos mais relevantes eventos do setor, a edição deste ano traz como tema “Por um Brasil melhor: Todos contra a corrupção”. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas no site www.conaci.org.br. No total são esperadas cerca de 1,2 mil pessoas, um recorde, dentre auditores, controladores, corregedores, ouvidores, além de acadêmicos e gestores e servidores públicos ligados ao controle social.

O evento oferece também a oportunidade de acesso a publicações especializadas da área, algumas a serem lançadas durante o Encontro, como o livro “Panorama do Controle Interno no Brasil”, que faz o diagnóstico da organização e do funcionamento e perfil dos Recursos Humanos dos órgãos de controle interno e produzido pelo próprio Conaci; e o livro “Controladoria no Setor Público”, dos organizadores Ana Carla Bliacheriene (Universidade de São Paulo); Marcus Vinicius de Azevedo Braga (Agência Nacional de Saúde Suplementar) e Renato Jorge Brown Ribeiro (Senado Federal).

Um dia antes do encontro, na quarta-feira (3), ocorre ainda a 20ª Reunião Técnica do Conaci, que reunirá os 47 membros da entidade, representantes dos 27 estados e capitais, além do Distrito Federal, para deliberação de assuntos internos, troca de experiências e alinhamento de estratégias para o fortalecimento da gestão pública.

Confira a programação completa, clicando aqui.

conaci

Com informações da assessoria de comunicação do Conaci