Florianópolis recebe Seminário do Banco Mundial e do Conaci sobre Gestão de Riscos, Governança e Auditoria Interna

Florianópolis recebe uma etapa do ciclo de Seminários de Controle Interno, organizado pelo Conaci em parceria com o Banco Mundial. A cidade é a segunda a receber o evento, depois de Natal (RN), do total de seis encontros que serão realizados em todo País. O evento ocorrerá no dia 7 de maio, das 9h às 17h, no Teatro Pedro Ivo. Palestrantes de renome nacional compõem as seis conferências previstas na programação, que tem como tema “Gestão de Riscos para Boa Governança – O Papel da Auditoria Interna”.

Em Santa Catarina, o seminário será organizado com o apoio da Diretoria de Auditoria Geral (DIAG) da Secretaria da Fazenda e do Sindiauditoria. Ele é uma oportunidade para reforçar a importância da criação da Controladoria Geral do Estado, que deve ocorrer em breve, e a reorganização de todo o sistema de controle interno Estadual, de forma a contribuir para o aperfeiçoamento da gestão pública catarinense.

Os temas que serão abordados no seminário detalharão o conceito de auditoria interna contemporânea, seu viés de agregar valor à gestão, com trabalhos de consultoria que ajudem o aprimoramento da gestão pública, por meio da melhora na eficácia dos processos de gerenciamento de riscos, controle e governança.

O controle interno é uma função administrativa, que busca ajudar o gestor público a agir com legalidade e em conformidade com a norma. É um auxílio para que a execução seja mais eficiente e que os resultados sejam revertidos em serviços prestados de forma mais adequada à sociedade.

As inscrições são gratuitas e limitadas. Para mais informações acesse: https://doity.com.br/seminario-gestao-de-riscos

WhatsApp Image 2019-04-15 at 18.02.05

Programação

Durante a parte da manhã (9h-12h), os três temas abordados são: “O Controle Interno como instrumento alavancador de resultados: uma visão do Banco Mundial”, por Susana Philomeno Amaral (especialista em Gerenciamento Financeiro do Banco Mundial); “Auditoria Interna Governamental como instrumento de agregação de valor à Administração Pública”, por Sergio Filgueiras de Paula (auditor e coordenador Geral de Métodos, Capacitação e Qualidade da Controladoria Geral da União); e “A importância da Gestão de Riscos para melhoria da governança”, por Rodrigo Fontenelle de Araújo Miranda (controlador-geral do Estado de Minas Gerais).

Em seguida, outras três conferências são previstas na parte da tarde (14h-17h): “Implementando a Gestão de Riscos no Setor Público – experiência do Distrito Federal”, por Paulo Ribeiro Lemos (auditor e controlador-chefe da Controladoria DFTrans); “Diagnóstico e estruturação da 1ª e 2ª linhas de defesa – resultados do Espírito Santo”, por Denis Prates (coordenador de Harmonização do Controle Interno da Secretaria de Controle e Transparência do Estado do Espírito Santo); e “Implementação do Modelo de Capacidade de Auditoria Interna (IA-CM), por Paulo Ribeiro Lemos (Auditor e Controlador Chefe da Controladoria DFTrans).

Conaci e Banco Mundial

A parceria das instituições tem como intuito principal promover o desenvolvimento do Controle Interno no país, por meio da conscientização dos gestores sobre a sua importância, para alcançar resultados de forma segura e transparente. Além de promover padronização de conceitos entre os profissionais da área. A secretária executiva do CONACI, Renata Rezende, explica como o projeto fortalece o Controle Interno. “Por meio destes seminários com o apoio e suporte do Banco Mundial buscamos a disseminação das melhores práticas internacionais em matéria de auditoria e controle interno”, pondera.

O coordenador do grupo-geral de trabalho do projeto, Marconi Lemos, fala sobre os temas trazidos nos eventos. “Conceitos modernos de auditoria interna são os principais assuntos pautados nos seminários. Eventualmente abordamos integridade ou outra questão que esteja sendo tratada localmente. Mas os conceitos de gestão de riscos, três linhas de defesa, auditoria interna diferenciando de inspeção financeira, são notoriamente, o escopo central dos seminários”, afirma.

Capture d’écran 2019-04-14 à 16.59.50
O primeiro Seminário ocorreu em Natal (RN) no dia 8 de abril (Foto: Conaci/Diculgação)
Anúncios

Santa Catarina participa da primeira Reunião Técnica do CONACI em 2019

Começou nesta quinta-feira (28), a reunião técnica do CONACI (Conselho Nacional de Controle Interno), em Aracati (CE). O início dos trabalhos foi reservado para apresentação dos novos titulares dos órgãos membros da instituição. Representam o Estado de Santa Catarina, o futuro controlador-geral do Estado de Santa Catarina, professor Luiz Felipe Ferreira, o atual diretor da Diretoria de Auditoria Geral (DIAG), Wanderlei Pereira das Neves, e o auditor interno do Poder Executivo Frederico da Luz.

A abertura do evento foi realizada pelo presidente do Conselho e controlador-geral de Belo Horizonte, Leonardo de Araújo Ferraz. “A equipe de Aracati fez um excelente trabalho, disponibilizando uma estrutura muito adequada para realização do evento, só tenho a parabenizar o anfitrião”, enalteceu. Segundo ele, em razão da saída repentina do ex-presidente, Álvaro Fakredin, coube a ele a missão de sucedê-lo, defendendo uma gestão compartilhada e profícua para o Conselho. “Estamos organizando e ajustando alguns pontos importantes, realizando eleição para que a diretoria fique novamente completa, para que sejam definidas conjuntamente as diretrizes para o futuro do colegiado, em especial porque o Planejamento Estratégico será apresentado durante a RTC”, complementou Ferraz.

Nesta primeira edição de 2019, o encontro reúne 33 membros filiados entre órgãos de controle interno dos Estados e Capitais para discutir os avanços na área e promover o intercâmbio de práticas e conhecimentos. Na oportunidade, Conaci discutirá temas como: avaliação de suscetibilidade a risco de fraude e corrupção em órgãos públicos; Aplicação do Modelo IA-CM pelos órgãos de controle interno brasileiros; e o Controle Interno e seus efeitos nas demonstrações contábeis do setor público, entre outros.

Para o anfitrião do evento, o controlador-geral do Município de Aracati, Rodrigo Mesquita, esse é um evento de muito simbolismo por ser a primeira Reunião Técnica conduzida pelo novo presidente, Leonardo Ferraz, além de ser a primeira edição realizada no interior de um município brasileiro. “É um evento histórico para Aracati e para a Controladoria-Geral do Município, que enriquece com a presença de autoridades representantes de órgãos de Controle Governamental, servindo para mostrar que os municípios do interior também fazem parte do quadro federativo, merecendo destaque em discussões fundamentais para nosso país”, disse.

A programação da 30ª RTC encerra nesta sexta-feira (29), com a deliberação de diversas pautas administrativas.

WhatsApp Image 2019-03-28 at 18.42.53
Na foto, o auditor interno do Poder Executivo Frederico da Luz,  o controlador-geral do Estado do Ceará, Marconi Lemos,  o presidente do CONACI, Leonardo de Araújo Ferraz, o professor Luiz Felipe Ferreira, e o diretor da DIAG, Wanderlei Pereira das Neves

Ceará recebe a primeira Reunião Técnica do Conaci deste ano

A 30ª Reunião Técnica do Conselho Nacional de Controle Interno (CONACI) já tem data e local confirmados : Aracati, no Ceará, dias 28 e 29 de março. O evento ocorrerá no Hotel Long Beach, na Praia de Canoa Quebrada, e será promovido pela Controladoria Geral do Município de Aracati (CGM/Aracati) em parceria com o CONACI.

Como em todos os anos, o encontro irá reunir representantes dos órgãos de controle interno de todo país para discutir os avanços na área e promover o intercâmbio de experiências e conhecimentos.

2rd-canoa-quebrada-by_Silveira-Neto_flickr
Símbolo da Praia de Canoa Quebrada (foto: Silveira Neto/Flickr)