Reforma administrativa proposta pelo Governo prevê criação de Controladoria-Geral em Santa Catarina

“A gente que ter a mesma estrutura, a mesma força, e a mesma abrangência de atuação agora na Controladoria-Geral do Estado. Isso é muito importante, não para mim, e nem para o governador, mas para o cidadão que está em casa e quer que o dinheiro dele, o dinheiro público de tributo seja bem aplicado”, afirma o presidente eleito do Sindiauditoria, André Luiz de Rezende, para o jornal NSC Notícias, sobre a reforma administrativa do Governo de Santa Catarina.

Assista a reportagem completa aqui: 

video

Matéria foi ao ar na edição do dia 27 de abril

Anúncios

DIAG fiscaliza empresas do Estado para verificar a implementação da Lei das Estatais

A Diretoria de Auditoria Geral (Diag) está fiscalizando as empresas estatais a fim de averiguar o estágio atual do nível de cumprimento dos requisitos previstos na Lei Federal nº 13.303/2016.

O documento conhecido como Lei das Estatais, cujo prazo final para implementação se deu em 30/06/2018, dispõe sobre o estatuto jurídico da empresa pública, da sociedade de economia mista e suas subsidiárias e estabelece disposições também no que tange às licitações, aos contratos e as formas de fiscalização do Estado e da sociedade.

Os trabalhos in loco, realizados pelos auditores internos do Poder Executivo André Luiz de Rezende, Augusto Puhl Piazza e Rodrigo Stigger Dutra, têm o objetivo de validar as respostas consignadas em questionário eletrônico, respondidos pelas empresas no início deste ano, dando sequência à atividade de averiguação da implementação das alterações legais previstas na referida Lei.

Para Rezende, coordenador da equipe de trabalho, a verdadeira importância dessa verificação é entender, na prática, como estão funcionando as inovações em Governança propostas pela lei. Assim, acompanhando e auxiliando as estatais, podemos garantir não só a implantação, mas, também, a efetividades dessas novas ferramentas de controle.

BADESC4
As fiscalizações in loco estão ocorrendo na CELESC, CASAN, CIASC, BADESC e, em sequência, serão estendidas às demais empresas (Foto:Divulgação/Sindiauditoria)

André Luiz de Rezende é eleito presidente do Sindiauditoria

O auditor interno André Luiz de Rezende foi eleito presidente do Sindiauditoria durante a última Assembleia Geral Ordinária da categoria, que ocorreu na terça-feira 2 de abril. Na oportunidade, os filiados elegeram também os novos membros da diretoria e do conselho fiscal para a gestão 2019/2020. A atual presidente Luciana Berniere prestou contas da sua gestão, que começou no dia 24 de setembro, e agradeceu a colaboração de todos nesses últimos meses.

A nova equipe assume no próximo dia 1 de maio. Rezende divulgou seu plano de trabalho e as diretrizes para do próximo mandando : Criação de um programa de comunicação que fomente o fortalecimento da categoria ; Fomento da participação e visibilidade da categoria em outros ambientes ; Criação de peças fixas (banners, vídeos e spots) que auxiliem no fortalecimento da categoria e suas ações ; Auxílio na divulgação dos trabalhos executados pela categoria e seus benefícios sociais ; Apoio social a causas que ajudem a comunidade e, ao mesmo tempo, fomente a participação do sindicalizado ; e Fomento das ações estratégicas com outras categorias que auxiliem na reconstrução da imagem do serviço público em geral. O presidente eleito também apresentou uma proposta orçamentária.

858768bc-80b0-4f9e-a5c7-a417183b76ce
A nova diretoria será presidida pelo auditor interno André Luiz de Rezende que tomará posse no próximo dia 1 de maio (Foto: Divulgação/Sindiauditoria)

Diretoria 2019/2020

Presidente: André Luiz de Rezende

Vice-presidente: Rodrigo Stigger Dutra

Diretor Jurídico: Clóvis Renato Squio

Diretora Administrativo-Financeiro: Alessandra Barcellos Barros

Diretor de Relações Intersindicais: Frederico da Luz

Diretor de Comunicação: Thiago Pereira de Freitas

Secretária: Fabiana Ribeiro Borges

Conselho Fiscal

Titulares: Marisa Zikan da Silva, Inês Marina de Souza e Clarice Ehara

Suplentes: Josane Mara Maciel, Cícero Alessandro Teixeira Barbosa e Ricardo Cavalcanti Peixoto Filho