Sindiauditoria ajuda moradores carentes da região central a enfrentar o frio 

As doações recebidas durante a campanha do agasalho do Sindiauditoria, este ano, foram entregues na última sexta-feira (30) à Ação Social e Cultural da Catedral de Florianópolis. O presidente da instituição, Clóvis Renato Squio, foi pessoalmente entregar as doações, acompanhado do vice-presidente, Cristiano Soccas. “Queremos agradecer a todos que se sensibilizaram e participaram doando roupas, cobertores e calçados. Este é um gesto muito nobre que faz do nosso sindicato uma instituição ainda mais forte”, afirmou Squio.
 
A Catedral de Florianópolis atende famílias em situação de vulnerabilidade social das comunidades do maciço do Morro da Cruz e dos bairros próximos, além de receber pessoas em situação de rua que necessitam de ajuda. Como atua na região central da cidade, a instituição social oferece diversos serviços de apoio, como: cestas básicas, fotos para documentos e encaminhamentos de saúde e de trabalho. Tudo através de parceria com empresas e doações espontâneas.
WhatsApp Image 2017-06-30 at 22.11.03
Clóvis Renato Squio (direita) entregou as doações pessoalmente para os funcionários da Catedral (Foto: Divulgação/Sindiauditoria)
Planejamento
Para duplicar o número de doações no próximo ano, a direção do Sindiauditoria espera aumentar o número de pontos de coleta e o período da campanha. “Podemos fazer ainda melhor para ajudar quem precisa nessa época fria do ano”, projeta Squio. 
Anúncios

Campanha do agasalho: Sinidiauditoria ajuda famílias carentes da região central de Florianópolis

Na manhã desta segunda-feira (29), as doações recebidas durante a campanha do agasalho do Sindiauditoria, este ano, foram entregues à Ação Social e Cultural da Catedral de Florianópolis. No total, foram arrecadadas 417 peças entre roupas masculinas, femininas, infantil, edredons e sapatos. A instituição atende famílias em situação de vulnerabilidade social das comunidades do maciço do Morro da Cruz e dos bairros próximos, além de receber pessoas em situação de rua que necessitam de ajuda.

“Estamos na região central da cidade, o que nos torna referência para pessoas de vários lugares”, esclarece a assistente social, Jadna Aparecida Nunes. Ela coordena um serviço que, além de roupas, oferece cestas básicas, fotos para documentos, encaminhamentos de saúde e de trabalho. “Tudo através de parceria com empresas e doação espontâneas que recebemos”, esclarece. Jadna atende às segundas e quartas-feiras, das 9 às 12 horas, no prédio da Catedral.

Sobre a campanha do agasalho, o presidente do Sindiauditoria, Clóvis Coelho Machado, aproveita a oportunidade para agradecer o apoio de todos os associados e familiares. “O número de peças nos surpreendeu muito, em especial, porque tivemos pouco tempo de campanha. Para o próximo ano, vamos iniciar a coleta mais cedo e ampliar os pontos de coletas, para que mais pessoas possam ajudar”, considerou.

Presidente do Sindiauditoria, Clóvis Machado Coelho, e a assistente Social, Jadna Aparecida Nunes
Presidente do Sindiauditoria, Clóvis Coelho Machado, e a assistente Social Jadna Aparecida Nunes