Eu confesso! inicia temporada de apresentações gratuitas na Capital

O ator Édio Nunes retorna aos palcos com uma nova temporada do monólogo Eu Confesso! As apresentações ocorrem na Casa do Teatro, em Florianópolis, entre os dias 20 e 21 de setembro, às 21 horas. Os ingressos são gratuitos e podem ser retirado diretamente na bilheteria do teatro, uma hora antes do espetáculo.

Em “Eu Confesso!”, Nunes faz o papel de Deus, que revela, em tom de confissão, um relato feito sobre o processo da Criação. No roteiro inusitado o senhor da criação do universo, relata ter perdido o controle de sua obra. Nesse processo teve sucessos com simples ideias, mas conta acidentes de percursos provocados pelo acaso.

O trabalho rendeu ao ator a Medalha Waldir Brazil, concedida pela Academia Catarinense de Letras e Artes (ACLA), como “Personalidade das Artes Cênicas do Ano de 2014”. O texto e a direção são de Antônio Cunha.

na-peca-deus-revela-sua-versao-sobre-o-processo-de-criacao-com-detalhes-inusitados
Foto: Renato Gama/Grupo RBS

 

Serviço:

O quê: Eu Confesso!

Quando: 20 e 21 de setembro, às 21 horas

Onde: Casa do Teatro (Praça XV de Novembro, 344 – Centro)

Ingressos no local: gratuito

Anúncios

Promover o espírito de equipe na Auditoria Geral de Santa Catarina

Para incentivar o compartilhamento de informações, treinamentos, livros ou artigos que podem servir para melhorar a integração, a motivação pessoal e a troca de ideias, a Diretoria de Auditoria Geral (Diag)  lançou o projeto DIAGrupando. A proposta é que sejam realizados, ao menos uma vez por mês, encontros de curta duração para reunir os servidores com o objetivo de promover uma conversa informal sobre assuntos diversos, ligados ou não ao trabalho de auditoria interna. A premissa é simples: existem muitas ideias que merecem ser disseminadas!

A ideia surgiu da equipe do Gabinete da Diag e logo foi comprada pelo diretor Augusto Piazza, que incentiva o projeto desde o início. “Durante os encontros, tivemos bastante adesão, então, eu acredito que as pessoas entenderam a importância de tratarmos de temas não diretamente relacionados com auditoria e controle interno, mas que podem impactar na realização dos nossos trabalhos. Acredito que estamos caminhando para uma maior integração da equipe”, avalia a coordenadora do projeto, Marisa Zikan. Ela pontua que além das atividades, foram realizados dois cafés coletivos, em dois finais de tardes, de 30 minutos funcionando como um momento de pausa, conversa e troca de ideias nas sextas-feiras.

whatsapp-image-2018-08-06-at-20-18-58.jpeg
A participação é voluntária e pode ser realizada, não só marcando presença nos encontros, mas também sugerindo temas ou se candidatando para apresentar assuntos

O projeto se divide em dois eixos centrais de atuação. Em primeiro lugar, existem os encontros “Compartilhando conhecimento”, onde os auditores internos podem compartilhar os principais pontos aprendidos em um treinamento ou seminário, dividir uma descoberta tecnológica, apresentar boas práticas ou colaborações e fazer um brainstorming antes do início dos trabalhos da Diretoria – especialmente auditorias mais complexas que requerem informações que outros possam ajudar, como as operacionais, por exemplo. É a oportunidade também para apresentar trabalhos da Diretoria já finalizados para o conhecimento de todos. Em segundo lugar, eles participam também do “Unindo Elos” que são atividades coletivas no corredor da Diag que duram entre uma semana e dez dias, onde os servidores interessados participam pontualmente, em seus momentos de intervalo ou chegada e saída do trabalho.

Em todas as atividades a participação é voluntária e pode ser realizada, não só marcando presença nos encontros, mas também sugerindo temas ou se candidatando para apresentar assuntos e se conectar com os colegas. “A proposta não é ter ideias mirabolantes ou grandiosas e já validadas, queremos ver os servidores arriscando-se e inovando”, incentiva Marisa. Desde maio, foram realizados cinco encontros, que dispuseram sobre: Governo do Futuro com Renato Lacerda; Saúde Mental no Trabalho e na Vida com Rafaela Trevisan; Programa UNIEDU com a equipe da Auditoria Cidadã; Missão do Conaci na Indonésia com Rodrigo Dutra; e por fim, Tecnologia da Informação aplicada ao Setor de Saúde com Thiago Freitas.

A ideia está servindo de modelo para outros órgãos e entidades governamentais. “Recentemente eu apresentei o projeto para uma equipe do IMETRO que está interessada em implantar essas atividades na unidade em Santa Catarina”, pontua Marisa.

whatsapp-image-2018-05-23-at-22-26-26.jpeg
A coordenadora do projeto, Marisa Zikan, organiza as atividades todos os meses para gerar integração entre os auditores internos que atuam na Diretoria de Auditoria Geral

Mais do que um pai, temos sempre um amigo ano nosso lado. Feliz Dia dos Pais! 💙

Sans-titre1