Observatório

Secretário de Prevenção da Corrupção e Informação Estratégica da Controladoria Geral da União (CGU), Mário Vinicius Claussen Spinelli, ressaltou que o fato de o Estado ter uma equipe “altamente qualificada” de auditores internos pesou na escolha de Santa Catarina como estado-piloto para a implementação do Observatório da Despesa Pública. “Santa Catarina tem um controle interno bem estruturado, forte e avançado”, disse Spinelli. Ele participou, em Florianópolis, juntamente com o secretário da Fazenda, Nelson Serpa, da assinatura da entrega dos equipamentos para o ODP, ferramenta de fiscalização das contas públicas para coibir desperdícios e fraudes. Fonte: Andrea Leonora- Coluna Pelo estado

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s