DIAG participa do Simpósio Mundial de Auditoria Contínua e Relatórios em Florianópolis

Florianópolis sediou, na última semana, o 42º Simpósio Mundial de Auditoria Contínua e Relatórios (WCARS). O evento é o principal fórum para a discussão de pesquisa e prática na aplicação de tecnologia para auditoria contínua e relatórios. Os auditores internos do Poder Executivo Ademar Senabio Filho e Christian Corte Real representaram a Diretoria de Auditoria Geral (DIAG) da Secretaria de Estado da Fazenda na ocasião.

O WCARS tem como objetivo principal proporcionar a disseminação do conhecimento e intercambio científico e técnico para acadêmicos e profissionais contábeis. E este ano teve como tema principal: “O papel da Contabilidade e dos Sistemas de Informação na Auditoria e Monitoramento Contínuo”.

O simpósio já promoveu conferências anteriores em Mônaco (2004), Malta (2005), São Paulo, Brasil (2006-2017), Ferrara, Itália (2007), Creta (2008), Malatya, Turquia (2012), Brisbane, Austrália (2013), Reykjavik, Islândia (2014), Chengdu, China (setembro de 2014) e Brisbane Austrália (2016). A iniciativa é uma realização da Rutgers University (USA) em parceria com o Conselho Regional de Contabilidade (CRC/SC) e com a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

content_id
Na foto, o auditor interno Christian Corte Real (SEF/SC), Maurício Vasconcellos Leão Lyrio da Secretaria de Estado da Administração, Miklos A. Vasarhely CarLab, Rutgers Business School, o auditor interno Ademar senabio Filho (SEF/SC), Fabrícia Silva da Rosa (UFSC), Carlos Henrique Fonseca Diretor de Desenvolvimento Institucional e Industrial da FIESC, Marcelo Seemann, presidente do CRCSC, e a vice-presidente de Administração e Finanças do CRC/SC, Rubia Albes Magalhães
Anúncios

Seminário abre a programação da 27ª Reunião Técnica do em BH

O Seminário “30 anos da Constituição – A Evolução do Controle” deu início na manhã desta quinta-feira (7) à programação da 27ª Reunião Técnica do CONACI (Conselho Nacional de Controle Interno ), em Belo Horizonte. Os auditores internos do Poder Executivo Frederico da Luz, Marisa Zikan da Silva e Rodrigo Stigger Dutra participam do evento que reune dezenas de pessoas no auditório JK.

Na oportunidade, ao abrir o seminário alusivo aos 30 anos da Constituição de 1988, a ser celebrado no dia 5 de outubro, o presidente do CONACI, Álvaro Fakredin, fez uma retrospectiva do trabalho do Controle Interno ao longo da história da república, até hoje. “Como se vê, a história começou muito antes da criação da Constituição, criando uma espécie de ‘colchão’ sobre o qual surgiram os princípios de controle que adotamos e norteiam nosso trabalho a partir de então”, explicou.

O pronunciamento do Controlador-Geral do Município de Belo Horizonte, Leonardo de Araújo Ferraz, ressaltou a importância em se debater o tema proposto no seminário, nesse momento histórico da Constituição. Para Ferraz, “É importante que seja trabalhada a ideia de diálogos interinstitucionais, a questão da relação entre os órgãos de controle, somando esforços na busca do objetivo comum”, disse.

Participaram da solenidade de abertura o Vice-Prefeito de Belo Horizonte, Paulo Lamac; o Ministro da Transparência e Controladoria Geral da União, Wagner de Campos Rosário; o Presidente do CONACI, Álvaro Fakredin, o Controlador-Geral do Estado de Minas Gerais, Eduardo Martins de Lima; o Procurador-Geral do Município de Belo Horizonte, Tomaz de Aquino Resende; o Controlador-Geral do Município de Belo Horizonte, Leonardo de Araújo Ferraz; o Superintendente da Controladoria Regional da União no Estado de Minas Gerais, Breno Barbosa Cerqueira Alves e o Promotor de Justiça e Coordenador da Promotoria de Justiça de Defesa do Patrimônio Público de Belo Horizonte, Leonardo Duque Barbabela.

34685356_1818556024871029_2908272100156375040_o
Esta edição é organizada pela Controladoria-Geral do Estado (CGE-MG), Controladoria-Geral do Municío (CTGM-BH) e pelo CONACI

Campanha do agasalho 2018: “Neste inverno, doe calor, compartilhe amor”

O Sindiauditoria lança hoje mais uma campanha para recolher doações de roupas, agasalhos e cobertores. Este é o quarto ano consecutivo que a instituição se propõe a ajudar entidades da Grande Florianópolis que atendem famílias, jovens e crianças nesta época mais fria do ano.

Com o tema “Neste inverno, doe calor, compartilhe amor”, a expectativa é superar a arrecadação das edições anteriores. O ponto de coleta ficará até o dia 15 de junho no prédio da Diretoria de Auditoria Geral (DIAG). Conforme o volume de arrecadação, um número maior de projetos poderá ser beneficiado.

Sugerimos que na medida do possível, as doações sejam separadas de acordo com a idade e sexo para facilitar o encaminhamento das peças: criança (menino/menina), adolescente (menino/menina) e adulto (homem/mulher).

cartaz-2018

Ponto de coleta:
Quando? Até 15 de junho
Onde? Rod. José Carlos Daux, 5500, Torre Campeche B, 3 andar
O que doar? Roupas, sapatos, cobertores e agasalhos para homens, mulheres e crianças.